sábado, 24 de outubro de 2009

PARE, ESCUTE, OLHE VENCEU OS TRÊS PRINCIPAIS PRÉMIOS NO CINE ECO, EM SEIA

Olá a todos,

O nosso documentário “Pare, Escute, Olhe”, venceu o Prémio Internacional, Prémio Lusofonia e Prémio da Juventude, do Festival Cine Eco, em Seia.

A cerimónia oficial de entrega de prémios decorre logo, às 21h30, no Cine-Teatro da Casa Municipal da Cultura de Seia, seguido do concerto com Janita Salomé.

O retrato de Trás-os-Montes, uma região esquecida, a defesa de um património único e da centenária Linha do Tua, que fazem parte da identidade transmontana, fez com que o júri do Cine Eco, em Seia, deliberasse por unanimidade, salientando "a consciencialização social e política, a questão da macrocefalia e pela magnificência do nível técnico".

Estamos muito felizes, pois foi neste festival que o "Ainda há pastores?", iniciou o seu caminho.

Obrigado a todos,
Jorge Pelicano e Rosa Teixeira da Silva

8 comentários:

  1. Parabéns, a voces, mas sobretudo ao Filme, pois merece bem os prémios!

    Avanto "Peo"
    Abraço
    Filipe Tavares

    ResponderEliminar
  2. Parabens!

    Tambem no Doclisboa, parece que houve reconhecimento...
    doclisboa.org/premios.php

    Felicidades!

    ResponderEliminar
  3. Jorge,

    o "Ainda há Pastores" poderia ter sido um acaso (muito) feliz. Dificilmente mas poderia. Não foi e eu estou muito feliz como deveriam estar todos os cidadãos deste país com a tua ainda curta obra.
    Não descansarei enquanto não tiver este documentário num formato em que o possa ver, rever, extrair dele tudo o que conseguiste captar. Ainda agora acabei de rever as fotos do lançamento do DVD com o Hermínio na FNAC onde o momento da dedicatória do meu DVD ficou imortalizado numa foto do Blog.

    Parabéns, sinto-me honrado pela excelência do teu trabalho e por ter o previlégio de o ver e rever. Agora terei de esperar pela vez do "Pare, Escute e Olhe".

    Não páres, escuta selectivamente, e olha à tua volta, o Mundo é teu, já que tens o previlégio de conseguir extrair o melhor sumo dele e transmiti-lo aos vulgares seres humanos, fazendo deles pessoas melhores e mais atentas ao que as rodeia.

    Obrigado pela obra e pela dedicação.
    Parabéns.

    Abraço de amizade,
    Ricardo.

    ResponderEliminar
  4. Uma filmagem, uma fotografia, umas letras, qualquer pessoa poderia fazer, no entanto, trazer nos olhos o que se filme, ser o que se fotografa está apenas ao alcance de poucos eleitos. E mesmo dentre esses eleitos, poucos são as Pessoas que vocês, Jorge e Rosa, são. É por isso que não surpreende, prémios, distinções, menções. É apenas o corolário, o caminho óbvio que se vai desenvolvendo... O vosso trabalho está para quem gosta das temáticas que já abordaram, como o arco-íris está para um dia chuvoso... São, sempre, sempre, um bálsamo que tem o condão de entrar em nós e jamais deixar... Obrigado e Parabéns!

    Fiquem bem,
    Miguel

    ResponderEliminar
  5. Muitos parabéns! O filme merece tudo o que de bom se possa dizer sobre ele. Um retrato muto fiel do verdadeiro Portugal profundo feito de gentes recorrentemente esquecidas pelo poder central e que, no entanto, nunca perdem a esperança de um amanhã melhor. Acima de tudo um filme de um grande humanismo. Emocionei-me como há muito não acontecia. Obrigado.

    ResponderEliminar
  6. Muitos parabens!! Está fenomenal! Gostava de saber como posso ter o "Pare, Escute e Olhe". Estou a fazer uma pequena tese para um seminário de mestrado e gostaria muito de poder analisar o filme mas não sei como o obter. Alguém me pode informar? Obrigada!

    ResponderEliminar
  7. boas eu gostaria de saber onde adequirir o dvd deste belo filme...

    obrigado

    ResponderEliminar