quarta-feira, 17 de março de 2010

"PARE, ESCUTE, OLHE", NOS CINEMAS A 8 DE ABRIL



Olá a todos,

É oficial: PEO chega às salas de cinema a 8 de Abril. As primeiras exibições estão marcadas para as salas Lusomundo Amoreiras (Lisboa) e Parque Nascente (Porto), e no Cinema City, em Alvalade.
Nas semanas seguintes estende-se a outras salas do país, incluindo cineclubes e cine-teatros, de forma a ser apresentado em todo o território nacional.
Depois de uma maratona técnica, deixámos aqui o nosso agradecimento especial à equipa da Índigo, particularmente ao Manuel Faria, para além da banda sonora, tem-nos dado um apoio incondicional.
Em contagem decrescente… encontramo-nos numa sala de cinema perto de si!

7 comentários:

  1. Ah, finalmente! Venha de lá este filme, e que todo o país seja testemunha da barbárie a que o Nordeste Trasmontano tem estado sujeito há demasiado tempo.

    ResponderEliminar
  2. Digo o mesmo, finalmente! Já estava sem esperança de o ver no cinema. Que bom.

    ResponderEliminar
  3. Em Coimbra, onde irá ser apresentado este documentário!?

    Agradecia imenso a indicação, já que não queria perder o mesmo!

    obrigado

    ResponderEliminar
  4. Em Coimbra estará na Lusomundo. Mas aqui no blog pode acompanhar as datas e locais de exibição.

    ResponderEliminar
  5. O documentário será passado em Guimarães ou querem uma mãozinha? :)
    parabéns pelo excelente trabalho!

    ResponderEliminar
  6. Assisti hoje a este excelente documentário.

    Demasiado emotivo e demasiado revoltante para quem já viajou de comboio várias vezes naquele troço, e que também gostaria muito de ter conhecido o troço Mirandela-Bragança.

    Por aqui se vê (mais uma vez) como os governantes que temos, e temos tido, são uns autênticos 'vira casacas', chegando ao ponto de meterem nojo.

    É de facto um excelente trabalho! Parabéns!

    ResponderEliminar
  7. Vi ontem o Documentário. Os meus Parabéns! O humor é sempre uma boa forma para aligeirar assuntos tão importantes e sérios como este! Um processo revoltante, tendo como pano de fundo um cenário magnífico - Trás-os-Montes. Pelo Tua, pelas gentes de Portugal.

    ResponderEliminar